21 de out de 2012

JUSTIN TIMBERLAKE É CITADO EM TRIBUNAL COMO RESPONSÁVEL POR SURTO DE BRITNEY


Segundo advogado da família de Britney Spears, a cantora começou a se afastar da família e entrar em depressão depois de terminar o namoro com Justin Timberlake.

Em plena lua de mel na Itália, Justin Timberlake, com 31 anos, que se casou com Jessica Biel, de 30, nessa sexta-feira, 19, foi citado por um advogado da família de Britney Spears em um tribunal de Los Angeles. O motivo? De acordo com o The Sun, o cantor foi apontado como responsável pela fase ‘garota problema’ da cantora, que entre 2003 e 2008 enfrentou sérios problemas com álcool, brigas com paparazzi e suspeitas de uso de drogas ilícitas.

O advogado Leon Gladstone estava defendendo a família Spears do processo de Sam Lufti, ex-agente da cantora, quando afirmou que o fim do namoro da princesa do pop com Timberlake a fez ter depressão.

“Eles tinham uma relação muito forte que acabou dolorosamente”, disse Gladstone, lembrando o fim do namoro entre os cantores em 2002. “No ano seguinte, os pais de Britney perceberam que ela havia mudado e notaram que ela estava depressiva. Ela foi para Vegas e se casou com um amigo de infância, a relação durou 55 horas, eles perceberam que ela estava distante dos pais, e ficaram preocupados que ela estivesse usando substâncias ilegais”, declarou.

Britney e seu atual noivo, Jason.

No começo da semana, Sam Lufti havia dito em tribunal que a fase decadente de Britney aconteceu porque a cantora era supostamente viciada em anfetamina.

O ex-agente processa Britney por quebra de acordo, alegando que ela havia direito de 15% em cima de todo faturamento da artista. Ele também processa o pai dela, Jamie Spears, por agressão física, e a mãe dela, Lynne Spears, por ter escrito em sua autobiografia, Trough the Storm, que Lufti drogava Britney.
Fonte: Caras.

Nenhum comentário:

Postar um comentário